quarta-feira, 15 de abril de 2009

Kanye West "808s & Heartbreak"



É incrível a mudança que Kanye West levou a cabo no seu quarto disco. Mesmo tendo em conta os momentos confessionais e vulneráveis que já existiam nos anteriores, muito pouca ou nenhuma gente estaria à espera disto. No fim de 2008 aparece, então, um disco feito de voz, poucos convidados, efeitos de auto-tune, e música electrónica esquelética, fria, minimalista, perfurante. E o resultado é um disco de electro-soul-pop assombroso. A obra de alguém que reduz ao osso o seu som para lhe aumentar o impacto. "808s & Heartbreak" é desolado, desesperado, intenso como o bater numa porta que se fecha impiedosa às 4 da manhã. É o ponto em que Otis Redding e Soft Cell consumam um casamento que poucos achariam possível. Pode não ser o melhor de Kanye, visto que a concorrência de "The College Dropout" e "Late Registration" é feroz. Merece, contudo, o epíteto de obra-prima!

Em baixo o vídeo de "See You In My Nightmares":

1 comentário:

lisabel disse...

Aqui o Rodrigo chama-lhe «o disco maricas» do Kanye. Mas gosta :p